fbpx
como criar um blog

Como criar um blog e por que isso é tão importante?

Você até reconhece que criar e manter um blog é importante, mas não sabe como fazer para que ele funcione corretamente? Saiba que não está sozinho. Em meio ao turbilhão digital em que vivemos, não é raro encontrar depoimentos e incentivos do tipo “tenha um blog, vai ser bom”. O que poucos, na verdade, explicam é como ele realmente pode te ajudar e quais são os passos para que isso aconteça.

Não adianta fugir. A internet e a tecnologia chegaram para ficar, alcançando até mesmo os cantos mais remotos do mundo. Isto não foi algo repentino ou inesperado, mas sim fruto de uma evolução natural que busca suprir as necessidades humanas de comunicação, mobilidade, rapidez, entre muitas outras.

Basta pensar um pouco para compreender o que estamos falando. Você conseguiria se imaginar hoje sem internet por um dia? E por uma semana? Um mês, então? Muito difícil, não é mesmo. Até porque atualmente um enorme número de pessoas utiliza a internet para trabalhar, então, como viver sem ela?

E por falar em trabalhar, é impossível não citar as diversas empresas e profissionais que têm encontrado nos meios digitais suas principais ferramentas de negócios. O marketing digital oferece uma infinidade de opções para todos os públicos, gostos e orçamentos. Mas, uma coisa é certa: dentre todas as opções disponíveis, o blog é a opção mais popular, já que não faz discriminação entre tipo de empresa, ramo de atuação e é excelente até mesmo para os profissionais liberais.

Por que ter um blog, afinal?

Os questionamentos a respeito da real necessidade de se ter um blog são muitos, afinal, até pouco tempo atrás essa era uma estratégia adotada por poucos. Se você chegou a este post, provavelmente já sabe que ter um blog é algo positivo, mas, não sabe como isso funciona na prática, não é mesmo? Calma! Continue lendo o artigo que nós vamos te explicar.

Já imaginou poder enxergar em meio à multidão quem são seus clientes em potencial, e poder atraí-los sem grande esforço? E se você pudesse, ainda, conversar com cada um deles sobre suas dificuldades, ajudando-os a resolver estes problemas com soluções que, por sinal, você oferece? Seria incrível, nós sabemos. Mas é exatamente isso que acontece quando você tem um blog.

Como assim? É isso mesmo! Ainda que o blog seja um meio de comunicação voltado a um grande público, sempre que você disponibiliza um conteúdo, você ainda conversa individualmente, com cada leitor, e é importante que seja assim sempre. As pessoas não querem encontrar um site com publicações genéricas e frias. Elas querem encontrar o texto, ler e ao final pensar “ok, era exatamente isso que eu precisava”.

Respondendo a nossa pergunta inicial, criar e manter um blog é importante para manter esse contato próximo e amigável com o seu atual e futuro cliente. Por meio dele você abre um leque de alternativas para estreitar os laços deste relacionamento tornando-o próspero e duradouro. Além disso, o blog é responsável por extrapolar as barreiras físicas, promovendo um alcance amplo e quem sabe até mundial do seu conteúdo. Com isso, as vendas serão nada mais do que uma consequência.

Como criar um blog profissional?

como-criar-um-blog-profissional

Existem diversas plataformas disponíveis para a criação e manutenção de um blog, basta escolher aquela que melhor atende às suas necessidades. Um blog pode ser uma excelente ferramenta de negócios, mas, para isso, é fundamental que ele seja bem elaborado.

Tenha em mente que se o intuito é criar um blog profissional, todo o projeto deve ser pautado nisso, levando em consideração a credibilidade, navegabilidade, riqueza de informações e excelente conteúdo. Contudo, o processo de desenvolvimento não é nenhum bicho de sete cabeças, acredite.

Além do mais, esta estratégia tende a ser muito barata, principalmente quando comparados aos meios tradicionais de investimento em marketing. Os valores se tornam ainda mais ínfimos tendo em vista o retorno obtido em visibilidade e número de clientes. Agora, chega de conversa e vamos à prática?!

1 – Hospedagem

As plataformas gratuitas, além de serem limitadas quanto as funcionalidades, tem uma url pouco profissional e convidativa. Portanto, o primeiro passo para criar um blog que passe toda a credibilidade que você e o seu negócio merecem é investir em uma hospedagem paga. Isso fará toda a diferença na hora de divulgar o seu site/blog no cartão de visita, redes sociais e para os seus clientes. Já que é para começar, faça isso com o pé direto.

2 – Escolha um construtor de sites

Se pudéssemos te indicar um bom construtor de sites, este certamente seria o WordPress. Além da interface super amigável e intuitiva, ele oferece tudo o que você precisa para criar o seu site totalmente do zero. No entanto, engana-se quem pensa que é preciso um conhecimento profundo em html para isso. O WordPress conta com plugins e ferramentas simples e úteis, além de facilitar o uso do SEO.

3 – Defina o layout

O WordPress, assim como alguns outros construtores, conta com diversos modelos de layout disponíveis e customizáveis. Para esta etapa, é importante que o layout esteja de acordo com a identidade de marca (cores, fontes, tom de voz, etc.). Isto ajudará a desenvolver uma unidade de sentido, sem grandes contrastes entre os seus diferentes meios de comunicação.

Invista em um layout responsivo (que se adapte aos diferentes dispositivos e tamanhos de tela. Vale reforçar a importância de se ter um site leve, já que a maioria dos acessos hoje é feito através de smartphones, portanto, o carregamento deve priorizar a fluidez, mesmo para usuários de dados móveis (3G, 4G).

Nesta etapa, lembre-se que tudo deve ser criado e posicionado para facilitar a navegação e guiar o usuário de forma simples e intuitiva.

4 – Crie conteúdo

Uma vez tendo tudo pronto e funcionado, é chegada a hora de alimentar a sua criação. A melhor forma de manter a sua audiência engajada é criando conteúdo constantemente, de modo que eles saibam quando esperar por algo novo. Ademais, isso gera uma expectativa positiva, levando as pessoas a visitarem o seu blog com frequência.

Quando falamos de blog, estamos falando de uma estratégia de marketing de atração. Isso significa que o blog não será uma plataforma de vendas, muito menos um meio de caçar clientes. O que queremos é ser encontrado pelos clientes, na hora em que eles mais precisam. Portanto, é neste momento que você precisa estar pronto para sanar as suas dúvidas e oferecer-lhe alternativas.

O mais importante é investir em um conteúdo de qualidade, que seja relevante e informativo. Este é o primeiro mandamento do SEO, que irá garantir que seu blog fique bem posicionado nos mecanismos de busca, facilitando o encontro entre você e o cliente.

5 – Explore outras alternativas

O blog abre um leque enorme de outras opções de marketing digital a serem exploradas. Uma vez conquistada a atenção da sua audiência, você deve trabalhar para que esta não se perca. Um dos meios mais eficazes de fazer isso é através do e-mail marketing. Com ele você separa quem são os simples leitores e quem são os clientes em potencial. Feito isso, basta guia-lo pela jornada do cliente.

E não pense que o trabalho acaba quando o cliente concretiza uma compra, não. Mantenha-o engajado. Para isso você pode explorar as redes sociais, enquetes, canais de vídeo e muitos outros. Vá estudando o comportamento dos seus clientes frente a cada iniciativa, e assim, trabalhe aquelas que oferecem maior resultado.

Conclusão

É cada vez mais comum encontrar depoimento de pessoas que conseguiram uma verdadeira revolução nos seus negócios, graças ao digital. Trata-se de uma estratégia, simples, barata e de grande alcance, permitindo um contato próximo e eficiente com o fator mais importante de qualquer negócio: o cliente.

Para que isso aconteça, planejamento e um conhecimento aprofundado do seu próprio negócio é importante. Afinal, como solucionar um problema que você não conhece?! Entenda as dores do seu cliente, saiba quais são seus sonhos, medos e dificuldades. Esta é a chave para o sucesso de toda a sua estratégia. Precisa de ajuda? Conte com a gente.